Banner

Mundo Unifor 2017 | Atrações Artísticas

 

2017_marcelo_jeneci_vertShow Musical


Marcelo Jeneci
Cantor e instrumentista
16 de outubro de 2017 (segunda-feira), 17h30,
na Praça Central
Aberto ao público

 

Show traz sucessos de dois discos em novo formato e canções inéditas

 

Depois de lançar dois discos muito bem recebidos pela crítica e público - Feito pra acabar (2010) e De graça (2014) -, ter o segundo álbum indicado ao Grammy Latino 2014 como “Melhor Álbum de MPB” e ganhar o prêmio de “Melhor Compositor” de 2014 da APCA (Associação Paulista de Críticos de Arte), o cantor Marcelo Jeneci se lança em um novo desafio: subir ao palco sozinho para apresentar o seu repertório de sucessos e algumas inéditas.

 

Pela primeira vez, o artista se despe completamente de toda a estrutura de banda para mostrar suas canções em estado bruto, do jeito que vieram ao mundo. O show solo nasceu da vontade de explorar ainda mais as funções de cantor, instrumentista e compositor que Jeneci vem amadurecendo ao longo de sua vida. Maturidade essa que se reflete no seu crescimento no palco e no reconhecimento cada vez maior de seu trabalho.

 

No show “Jeneci Solo”, canções já conhecidas e adoradas pelo público, como “Felicidade”, “Pra sonhar”, “O Melhor da vida", “Quarto de dormir” e “A vida é bélica”, chegam em roupagem nova e emocionante. As apresentações prometem surpreender ainda mais, trazendo músicas do próximo trabalho de Jeneci, ainda inéditas.

 

Jeneci Solo por Jeneci
“Nesse novo show me coloco em ultra-exposição com liberdade musical absoluta pra aproximar ainda mais o ouvinte da minha célula íntima da criação. Entre piano, sintetizadores e sanfona no palco, poderei mostrar os dois mundos que colidiram em minha formação musical: o do instrumentista e o do cancioneiro/cantor. Trarei músicas que antecedem minha chegada ao universo da canção, como o soneto que fiz aos 15 anos, pontuando esse primeiro momento como compositor pianista. Já com a sanfona no colo, mostrarei outras e todas elas em seu estado translúcido. Voo livre pra dentro da estrutura interna de cada canção.”

 

 

2017_paola_torres_progartisticaSarau Literário

 

Paola Torres
Médica fundadora do Instituto Roda da Vida
18 de outubro de 2017 (quarta-feira), 17h,
na Praça Central
Aberto ao público

 

Médica especialista em Onco-Hematologia e Medicina Integrativa, pesquisadora, professora de Medicina da Universidade Federal do Ceará (UFC) e da Universidade de Fortaleza (Unifor). Pós-Doutora (Unicamp) e Fellow em Medicina Integrativa pela Universidade do Arizona (EUA). Presidente e fundadora do Instituto Roda da Vida. Graduada em Medicina (FCM-UPE), especialista em Homeopatia pelo Instituto Hahnemanniano do Brasil-RJ e em Hematologia (PUC-RJ), Acupuntura e Ayurveda (ABRA). Mestra e Doutora em Farmacologia (LAFICA-UFC).

Sobre a apresentação

Paola Torres canta, toca e declama durante o Sarau Literário “Andei por Aí – Narrativas de uma Médica em Busca da Medicina”, onde reúne composições da sua autoria junto com seis outros músicos que com ela dão vida à Banda Volante. Com direção de Selma Santiago, que também é artista popular, socióloga e gestora cultural o Sarau Literário tem como inspiração o Movimento Armorial fundado por Ariano Suassuana com quem a médica-artista Paola Tôrres estudou em Pernambuco, sua terra natal.

 

O Sarau Literário será precedido por duas atividades que compõem todo o universo da Medicina e da literatura de cordel, onde os alunos podem vivenciar mais profundamente o que significa praticar a Medicina com arte e os resultados desta experiência através da mesa-redonda com renomados e premiados profissionais da Medicina, promovendo um momento técnico que antecede ao show. Ainda como forma de conhecer e até aprender sobre o universo da literatura de cordel, será ofertada uma oficina de cordel com o profissional Klévisson Viana, recebedor do Prêmio Jabuti de Literatura pelo seu relevante trabalho no campo do Cordel.

 

 

2017_arnaldo-antunes_vertPerformance Poética


Arnaldo Antunes
Músico e poeta
20 de outubro de 2017 (sexta-feira), 16h30,
no Teatro Celina Queiroz
Mediante inscrição prévia

 

Performance Poética com Arnaldo Antunes e Márcia Xavier

 

Arnaldo Antunes explora, nesta performance, inúmeras possibilidades rítmicas e entoativas da linguagem poética — fala, berra, canta, entoa ou sussurra seus poemas, acrescentando, com esses recursos vocais, múltiplas sugestões de sentidos que dialogam com os poemas em si. Usa também efeitos e processamentos de sua voz ao vivo, além de improvisar sobre algumas bases de vozes pré-gravadas. Em algumas peças, Arnaldo sampleia sua própria voz, sequenciando várias camadas de loops, que se sobrepõem enquanto vão sendo executados. O resultado são ambientes sonoros variados, onde a palavra protagoniza a cena. A artista plástica Márcia Xavier projeta ao vivo imagens que somam significados aos poemas. Arnaldo também utiliza alguns objetos (um globo luminoso, fósforos, letras de metal, cartazes, etc) em sua ação, interagindo com cada um deles enquanto executa os poemas.

 

Sobre Arnaldo Antunes
Poeta, cantor e compositor, nasceu em São Paulo em 1960. Integrou o grupo Titãs, com o qual gravou sete discos. Em carreira solo desde 1992, já lançou os discos Nome, Ninguém, O Silêncio, Um Som, O Corpo (trilha para espetáculo de dança do Grupo Corpo), Paradeiro, Saiba, Qualquer, Ao Vivo no Estúdio, IêIêIê, Ao Vivo Lá em Casa, A Curva da Cintura, Acústico MTV, Disco e Já É e Ao Vivo Em Lisboa, além de Tribalistas (com Marisa Monte e Carlinhos Brown) e Pequeno Cidadão (projeto infantil com Edgard Scandurra, Taciana Barros, Antônio Pinto e seus filhos). Tem vários livros publicados no Brasil (entre eles Psia, Tudos, As Coisas, 2 ou + Corpos no Mesmo Espaço, 40 Escritos, Como É Que Chama o Nome Disso, N. D. A. e seu último lançamento Agora Aqui Ninguém Precisa de Sí, na Espanha (Doble Duplo) e em Portugal (Antologia).  No momento, Arnaldo está excursionando com o show de seu último álbum.

 

www.arnaldoantunes.com.br

 
Banner

Mundo Unifor 2017 | Twitter | Facebook | Instagram
Portal Unifor | Fundação Edson Queiroz | Central de Atendimento
Fundação Edson Queiroz todos os direitos reservados